Segunda-feira, 2 de Janeiro de 2006

Sonhos...

Ano Novo, Vida Nova!

Não é a frase mais original, eu sei, mas é mesmo o que sinto e o que me proponho a fazer neste novo ano.

Ontem foi uma noite muitíssimo produtiva e a madrugada também. Acho que finalmente percebi que ninguém é de ninguém e que só somos um pouco dos outros enquanto eles quiserem e nós deixarmos.

Tenho um misto de sentimentos todos baralhados como um novelo de lã roxa. E quando me sinto assim sou extremamente dispersa a escrever, o que é muito mau porque ninguém consegue acompanhar o meu raciocínio.

Acho que percebi que todos procuramos o mesmo, com mais ou menos coragem, e com mais ou menos força de vontade. Infelizmente nem todos o encontramos.

Amigos é que são a verdadeira melhor coisa do Mundo. Só eles nos preenchem sem pedirem nada em troca, fazem-nos sorrir e rir, animam-nos e dão-nos a mão para nos ajudarem a atravessar as águas turbulentas da vida.

Ontem, um amigo meu dizia que a vida é como o surf, tão depressa estás na crista da onda com tens de te levantar e voltar a cavalgar mais uma onda que aí vem. E ele tem toda a razão. Por isso, aqui fica a minha homenagem a ele que sabe quem é!

Hoje percebi que a vida dá milhares e milhares de voltas e essa coisa que se chama de destino é que de facto nos surpreende e consegue arrancar-nos um sorriso dos lábios. É fantástico não saber o que me vai acontecer amanhã, ou com quem vou chocar na rua e o que essa pessoa e esse simples facto pode mudar a minha vida. É fantástico não saber onde posso ir parar amanhã só pelos simples de facto de estar cansadíssima da noite de ontem e poder adormecer no autocarro. É fantástico não saber o que vou encontrar daqui a bocado junto ao rio. É ainda mais extraordinário não saber o que a outra pessoa me vai responder quando lhe disser tudo o que penso. Isso são as coisas com que vale a pena surpreendermo-nos! Às vezes não tem a mínima piada sabermos o que o Mundo nos reserva. No entanto, isso é uma das maiores curiosidades do Homem. Já diz a Bíblia que Adão e Eva comeram a maçã e descobriram que estavam nus.

Para mim, o mais importante nessa história toda e o facto de nenhum deles saber o que lhes iria acontecer depois de terem comido o tal fruto. O destino é uma coisa maravilhosa!

É verdade, antes que me esqueça tenho de agradecer ao ToYne ManEL, seja ele quem for, mas foi o primeiro ou primeira a comentar o meu blog e isso merece honras de referência. Além disso ler a mensagem que ele me deixou no meu dia de anos, foi uma coisa absolutamente fascinante. Como eu escrevia aqui à pouco, o destino é uma coisa fascinante, não imaginam o que essa mensagem significou para mim nesse dia. Foi uma das melhores coisas que me aconteceu e foi totalmente inesperado. Por isso, Muito Obrigada!


Soprado por: Asa às 16:17
Esta pena | Acrescentar uma pena | Recolher esta pena
|

Simplesmente eu...


Asa

Adicionar como amigo

. 5 seguidores

À procura de ...

 

Fevereiro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Penas caídas...

Fevereiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Asas no Mundo...

Locations of visitors to this page

Outras Asas...

SAPO Blogs